15/02/2008

Estoy apaixonaaaado!

Tenho uma nova paixão. Quase arrisco dizer que é amor. Sabe quando você vê uma foto que seja e o coração bate mais rápido? Você fica olhando com aquela cara de bobo, olhar perdido que foca muito além do papel (ou da tela do computador), juntando imagem e imaginação, sonho e desejo. *suspiro*

Mas isso me faz pensar (pravariar... Estou começando a achar que faço isso mais do que devia). Como
SEMPRE (em negrito e maiúsculas), o objeto dessa paixão está muito - muito MESMO - além do meu nível. Eu diria até que descrever como "muita areia para o meu caminhãozinho" seria um eufemismo dos brabos. Mas não consigo evitar (acho que a maioria de nós não consegue) sempre amar algo maior do que nós mesmos.

Por que sempre que nos apaixonamos é inatingível ou fora da nossa alçada? Eu realmente gostaria de saber. Será que é uma maneira de complementarmo-nos, buscando algo que nos torne mais fortes? Ou que simplesmente nos faça feliz por termos junto de nós? É ego mesmo, ou o oposto - falta de auto-confiança? Por que estamos sempre atrás do que vai nos fazer sofrer, quebrar nossos corações (e, tantas vezes, nossas contas bancárias)? Eu não sei as respostas, sinceramente. Mas continuo vendo as fotos e suspirando.

Para os mais curiosos, sim, ela já tem até nome: Beth. Foi aquela coisa à primeira vista, sabe? Bati o olho e já era. Tornou-se meu objetivo, vou consegui-la de qualquer jeito. Vai ser uma conquista difícil, mas um dia ela vai ser minha... Se é bonita? Linda é pouco! E que curvas! Além de tudo é ruivinha - eu sou ruivo também! Ainda no aspecto físico, comentário para os meninos: tem airbag duplo. Mas que ninguém pense que só vejo o lado físico, ela não é só uma carinha bonita não! Tem conteúdo, moçada. E muito. Mais do que a maioria, de longe. O quê? Tão duvidando que ela possa ser tão perfeita? Acham que é só empolgação minha, coisa de paixão? Que nada, eu já sei dos defeitos e problemas também, povo. Ela é do tipo que exige tudo do bom e do melhor (e mais caro). E tem o fato de que não é brasileira, o que complica ainda mais as coisas. Mas o que é uma conquista sem dificuldades, nénão? Vejam por vocês mesmos, oras. Olha as fotos:


Diz aí se eu não estou certo! Claro que o fato de que "Beth Corvette" custa tanto quanto MEU APARTAMENTO é outra grande dificuldade. Fora que imagina o IPVA da menina? Por isso que eu disse: areia demais pro meu caminhãozinho - por enquanto. Até lá, fico sofrendo - mas como é bom morrer de amor e continuar vivendo!

3 comentários:

Drica disse...

ahahaha, adorei este teu "amor", hehehe...conheci teu blog agora atraves do blog da andreia, q disse q vc é gente fina mesmo com este apelido, hehehe! teu blog é mto legal! bjao! :D

B. disse...

hahahaha. tu é besta hômi. Quanto ao salvar-se ser relativo...como é!

Andreia disse...

Aiiiii tô amando tambémmm!
Eu quero pelo menos a traseira da Beth!!!

Você é ruivo???? Tipo Os Rebeldes??
rsrsrsrsr Caaaaaalma!!!!!

Beijão e um perfeito fim de semana!!!!!!!!!