18/03/2009

Rancorizando

Ah, o ego... sempre um prato cheio para liberarmos nossa ira. Com isso em mente, preparei a “Grande lista de pessoas que deviam engasgar na pequenez de sua insignificante de existência e morrer lentamente.”

*** Políticos ***
São pessoas que põe o próprio bem estar acima do de milhões de pessoas. Não existe forma maior de ego e auto-indulgência. Morram, obrigado.

*** Fanáticos religiosos ***
E o que dizer de pessoas que, não contentes em acreditar em algo e salvar suas próprias almas assumem como missão de vida dizer que todos os outros estão ERRADOS e só eles sabem a verdade absoluta e que é seu dever converter o resto do mundo? Converte isso aqui, ó.

*** Políticos "religiosos" ***
Unem o primeiro ao segundo item, são como o canivete da imbecilidade e egocentrismo. Multi-item no quesito falta de noção, deveriam ser classificados como praga e ter "temporada de caça aberta" decretada.

*** Motoboys ***
Não tem nada a ver com ego, mas entraram na lista só porque SE ESTOU DANDO PISCA (seta, pros não paulistas) QUERO MUDAR DE FAIXA DE VEZ EM QUANDO, PORRA, PAREM DE BUZINAR E SAIAM DA MINHA FRENTE! Aí, quando dá merda, ainda acham que estão certos e se juntam em gangue como enxames de gafanhotos em pragas bíblicas. Ratomanocu!

*** Torcedores fanáticos ***
Powtaquepariw, isso deveria ser crime, punível com esterilização química. "Pessoas" (e uso o termo com extrema liberdade) com esse perfil acreditam piamente que:
1 - Seu time do coração é a coisa mais importante da sua vida;
2 - Seus ídolos futebolísticos dão a mínima para o resultado da partida, ao invés de seu desempenho individual e o futuro (e gordo) contrato com o futebol europeu;
3 - O resultado da partida torna sua vida melhor ou pior;
4 - Torcedores de outro time merecem ser agredidos.
Tem muito mais, mas não quero me alongar muito. Tenho pena desse povo.

*** Vegetarianos ***
Respeito totalmente quem não come alguma coisa porque não gosta do sabor. Eu mesmo sou um chato de galochas no que diz respeito a alimentação. Agora, não comer carne porque tem nojinho ou porque matam animaizinhos é viadice (com todo o respeito aos viados). E os vegetarianos, daqueles bem chatos que querem "converter" os outros e pregam incessantemente sobre o quanto ser vegetariano é "saudável"... vão se fuder. Sério mesmo. Pode viver até os 200 anos, seu(sua) chato(a), eu prefiro morrer aos 70 e ter realmente SABOREADO (tsc, tsc) esse tempo. Ok, o trocadalho foi péssimo, mas o conceito é verdade.


A anti-campanha do século!!!

*** Pseudo-intelectuais ***
Não há nada que eu goste mais em reuniões sociais do que ouvir atentamente um pseudo-intelectual falar sobre toda e qualquer coisa, e soltar um MEGA bocejo no meio disso. Não há nada mais chato do que alguém que sabe tudo sobre tudo e tem opinião formada (a única correta, aliás) sobre qualquer assunto. Esse tipo de gente faz eu querer arrancar meus ouvidos com a mão e enfiar em suas goelas para vê-los engasgar e morrer, quando eu daria uma alta e deliciosa gargalhada e... ok, está ficando muito psicopata, e vocês já pegaram a idéia.

*** Povinho "alternativo" ***
Uma vertente irritante do "pseudo-intelectual", consiste em um nível menos desenvolvido do descrito acima mais a capacidade de vestir roupas diferentes e ouvir músicas que ninguém ouve. Como todos os outros alternativos, aliás, que acreditam ser absolutamente originais e vivem em um mundinho onde só eles são especiais.

*** Adolescentes ***
Com tantos avanços na medicina, me surpreende que não tenham encontrado ainda a cura para a adolescência - sei lá, um supositório que jogasse a pessoa direto aos 20 anos e pudesse ser aplicado quando os sintomas começassem a aparecer. Isso só pode ser devido ao fato de que os nerds de laboratório que pesquisam remédios realmente não comem ninguém, e portanto não tem filhos na adolescência para perceber o mal que isso é para o ser humano. É uma idade onde a criatura considera o umbigo o centro do universo, "Highschool Musical" como obra de arte do cinema e a separação do RBD como uma catástrofe total. Além de não saberem beber e relacionarem-se porcamente com outros seres humanos, em linguagem ininteligível. ARGH, adolescentes, ainda bem que nunca fui um.

*** Fanáticos em geral ***
Todo e qualquer imbecil com quem é impossível conversar sobre determinado assunto, porque a criatura acredita estar em um nível diferenciado do resto do mundo, o que o(a) dispensa da necessidade de mostrar respeito com os outros pois sua verdade é absolutamente à prova de argumentos, estatísticas e FATOS. Mas é verdade, imbecil: você está em um nível diferenciado do resto do mundo; você é basicamente o excremento intelectual do planeta. Parabéns!

*** Pseudo-celebridades ***
Não, ter participado da novela das 6 ou de Big Brother NÃO - repito: N-Ã-O tornam você especial. Parem de agradecer ao Brasil e/ou a Deus por não terem sido eliminados do BBB ou por "tudo que conquistaram" depois de Malhação com aquela ponta de apresentador do Vídeo Show. Você é patético(a).


E agora voltamos à programação normal.
.

2 comentários:

Dany Darko disse...

Tive uma discussão HORREVEL com um amigo do namorado vegechatariano depois que eu disse que, quando ele comia ovos, ele assassinava pintos em potencial.

Na tua lista, tu esqueceste de colocar os universitários revolucionários. Quando a gente volta a estudar é que percebe o quanto eles não fazem falta e como é ridícula a situação de encontrar os ex-colegas barbudos camisetas vermelhas de terno, gravata e cabelo lambido...

beijo!

lioness disse...

Amei o desenho da anti-campanha! Tô dentro!